Doutor Estranho | Resenha do Filme


 O mundo místico da Marvel começou a ser introduzido no universo do cinema de forma bem clara e didática, onde todos conseguirão entender os conceitos principais desse "novo universo". Em Doutor Estranho os espectadores são apresentados ao multiverso, onde existem infinitas possibilidades de mundo paralelos. Para explorar esses mundos, você deve treinar muito até conseguir conquistar essas habilidades mágicas.

A exploração mágica começo quando o Doutor Estranho, um cirurgião que acaba sofrendo um acidente e perde alguns movimentos das mãos, vai em busca dessa organização mágica que alega conseguir curar as pessoas.

 Os novos personagens são bem marcados, com características próprias e bem carismáticas. Personagens não tão importantes conseguem ganhar atenção tanto quanto o principal. Os efeitos especiais do filme também foram feitos de forma ótima, em que não ficamos confusos ao ver o mundo se contorcer, os outros efeitos do filme, habilidades mágicas, lutas, teleportes, também ficaram ótimos em um visual diferente do que já foi mostrado na Marvel.


 O humor do filme foi bem encaixado no filme, deixando o a complexidade do filme mais leve e mais palpável.
 É um filme de origem mas que não parece ser. Ele cumpri o dever de apresentar os personagens e essa nova parte, mas deixa muitas perguntas a serem explicadas e alguns detalhes nem mesmo são apresentados, o que não torna o filme ruim.


 Existem duas cenas pós créditos que falam sobre o futuro do universo Marvel e também sobre a continuação de Doutor Estranho.

 Os ganchos deixados no filme mostram que o universo da Marvel no cinema só tende a expandir, e que tudo se encaixará no filme Vingadores: Guerra Infinita, onde a busca pelas Joias do Infinito serão verdadeiramente exploradas.

Assista ao vídeo:
Próximo
« Anterior
Anterior
Próximo »